Ano passado, os fãs de Fringe sofreram momentos de agonia enquanto os executivos da FOX decidiam se a série seria renovada ou não para uma quarta temporada. Depois de muita conversa, a renovação veio, deixando os entusiastas pela série aliviados, pois poderias continuar acompanhando a trama dos universos paralelos.
Este ano a história se repete, todas as temporadas já estão pela metade, e é hora de começar a discutir cancelamentos e renovações, e Fringe foi parar na berlinda mais uma vez. Kevin Reilly, presidente da FOX, teceu milhares de elogios à série, disse que divide a mesma paixão dos fãs pelo seriado, e ficou feliz de saber que, mesmo com a mudança de dia de exibição (de quinta para sexta) os fãs continuaram fiéis ao show. Mas as boas notícias acabam por aí, logo em seguida ele foi direto ao ponto e disse: “é um programa caro, e nós perdemos muito dinheiro com Fringe. Com a atual audiência e o dia de exibição, é praticamente impossível fazer dinheiro com a série. E nós não estamos aqui para perder dinheiro.”
Ainda afirmou que haverá uma reunião para discutir o futuro da série, junto com a Warner Bros (estúdio que realiza as filmagens), mas, os roteiristas terão que entregar o season finale antes da reunião, de acordo com o calendário oficial. Ou seja, se a série for cancelada, ela pode acabar sem um final apropriado.
J.J. Abrams rebateu as alegações dizendo que está esperançoso, e que muitas coisas boas estão programada para esta temporada, e afirmou ter planos para uma quinta temporada, soltando no final “se não na FOX, em algum outro lugar”.
O assunto rendeu e Joshua Jackson resolveu se manifestar, em certos pontos apoiando o presidente da FOX, dizendo que eles não são uma instituição de caridade, portanto não podem realmente ficar gastando dinheiro em algo que não dá lucro, mas também defendeu sua série, dizendo que Fringe tem uma história, e que, se ela tiver que ser cancelada, merece uma chance de ter um final. O presidente da FOX então se manifestou dizendo que concorda que a série não pode acabar sem um final, e deixou a batata quente nas mãos do presidente da Warner, dizendo que se o estúdio fizer algumas concessões acerca dos custos de produção, eles podem inserir uma quinta temporada na grade do canal.

Eu gosto bastante de Fringe, não apenas porque sou “Team J.J.”, mas porque a trama me agrada, desde o começo. Adoro ciências absurdas, e Fringe leva isso à um nível nunca antes experimentado. Talvez a quinta temporada fosse o ideal para terminar a série. J.J. sempre fez suas séries co-existirem durante um tempo (Alias com Felicity Lost com Alias Fringe com Lost – e agora Alcatraz com Fringe), mas eu acho que mais um ano só de Fringe é o suficiente, para que ele possa se entregar totalmente à Alcatraz.
Se for mesmo acabar agora, na quarta temporada, espero que todos sejam ouvidos e dêem uma chance pra série ter um final planejado.

Anúncios

Sobre Angelo Mota

Angelo Mota. Jornalista por formação. Nerd, gamer. Gosta de ler e escrever. Viciado em jogos, filmes e séries. Apreciados sem moderação.

Uma resposta »

  1. phabs disse:

    Minhas palavras serão breves.. adoro Fringe.. mas R.I.P!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s